quarta-feira, 9 de maio de 2018

Bayside Kings - Coletivo Rajada

Muitos de vocês aqui já ouviram falar do Coletivo Rajada ou visto algumas publicações pelo instagram. Hoje vou falar pra vocês de uma banda que faz parte desse time.
Bayside Kings, é uma banda de hardcore da cidade de Santos, São Paulo, Brasil e foi formada em 2010 por amigos, membros de outras bandas locais. Com o sentimento de desejo de mudança, convictos de que tudo começa de dentro para fora, a inspiração da banda vem através de conflitos pessoais, idéias e convicções, além de um forte senso de amizade que conta como combustível para a sobrevivência. Influenciado por bandas como Suicidal Tendencies, Terror, Comeback kid, Bane, Strife e Stick to Your Guns, conseguem mesclar a velha escola com a nova, onde cada músico demonstra sua personalidade e influências nas músicas da banda. Dentro do cenário brasileiro, o BSK, rapidamente ganhou destaque e realizou diversas apresentações em festivais e shows locais, conquistando respeito e se apresentando com as maiores bandas nacionais e internacionais de diversos cenários musicais, expandindo o hardcore e muitas vezes tocando para um público de outros movimentos culturais.

Logo nos primeiros meses de vida e com a distribuição totalmente independente de uma demo em diversos shows locais, foi lançado, em cooperativa com diversos selos independentes, o EP "THE WAY BACK HOME" (2012) no qual teve uma grande aceitação no Brasil, e teve o lançamento em outros países como Argentina e Japão, onde esgotou todas as cópias.
Em 2013, o Bayside Kings lançou o EP "WARSHIP", em vinil no formato 7", com tiragem limitada e capa interativa em 3D. Juntamente ao lançamento, a banda foi suporte na tour de duas bandas americanas no Brasil, Madball(USA) e Terror(USA). No mesmo ano, a banda saiu em turnê na Argentina, o "WARSHIP TOUR 2013", com apresentações em Buenos Aires, La Plata e Mar Del Plata.

No ano de 2014, após se apresentar em shows com bandas como Bad Religion(USA), Parkway Drive(AUS) e Heaven Shall Burn(GER), a banda entrou novamente em estúdio para a gravação do seu primeiro disco "Full Length", o "WAVES OF HOPE", com dez músicas inéditas, participações de grandes músicos de importantes bandas do cenário brasileiro e com a masterização de Nick Jett(Terror/Piece By Piece) em Los Angeles, USA. Este último lançamento rendeu a banda uma turnê de quase dois anos, passando por quase todas as capitais do país e fazendo outra turnê em países da América do Sul, dessa vez passando por Equador e Chile.

Amadurecendo a cada passagem de ano, o Bayside Kings resolve lançar seu segundo disco. Sempre querendo fazer algo a mais e se mostrando cada vez mais engajado em causas sociais, resolve fazer um "crowdfunding", onde parte do dinheiro arrecadado foi doado para a ONG Natureza em Forma, e a outra parte foi destinada aos custos para o lançamento do disco, que foi totalmente independente. O disco foi denominado Resistance, e se mostrou mais maduro, melódico, rápido e agressivo. A produção ficou a cargo de Fernando Uehara e Dan Souza (Bullet Bane) e foi gravado e mixado no TOTH e El Rocha Estúdios.

Com quase 300 shows realizados, a Bayside Kings vive o hardcore através da amizade conquistada em diversos lugares, mostrando que muitas vezes é mais do que música, é uma forma de estar em qualquer lugar do mundo e poder chama-lo de lar.

Bayside Kings atualmente encontra - se gravando novas musicas e estamos todos muitos ansiosos para os próximos stage dive ao som novo da banda. Esse foi um vídeo que a banda soltou no seu instagram e que nos deixam cheios de vontade de abrir uma roda onde quer que estejamos.
Acompanhe a banda e fique por dentro de tudo que está rolando!



 Nesse embalo Milton, vocalista da banda foi convidado para participar de um programa no youtube chamado Ovo Graudo, esse canal é especial pra você que curte Hardcore, punk, metal e etc. A entrevista foi separada em duas partes e eu vou deixar o link aqui pra vocês assistirem e acompanhar o canal, que além dessa matéria com o Milton tem outras interessantes também.
Parte I

Parte II

Deixem o comentário de vocês, compartilhem, curtam! Logo menos tem mais!
Vivência Underground. 

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário