sexta-feira, 17 de maio de 2019

Town Mania: Mineiros lançam videoclipe de Poucos Tem Coração


Depois de cinco meses de espera, finalmente o videoclipe “Poucos Tem Coração” está no ar para o deleite dos fãs. A demora para o lançamento, deve-se ao assassinato cruel causado pela Vale no dia 25 de Janeiro em Brumadinho, cidade vizinha de Mário Campos, lar dos integrantes da Town Mania.

“O vídeo estava pronto no final de Dezembro de 2018, chegamos a lançar um teaser de
divulgação, e estávamos programando lançamento para Janeiro de 2019, mas depois do
ocorrido decidimos cancelar o lançamento pois não teríamos clima algum, perdemos amigos, vizinhos neste assassinato coletivo, tanto de Mário Campos, quanto em Brumadinho que é a nossa segunda casa, sempre fomos bem recebidos por lá.” Explica Douglas Rodrigues, tecladista e guitarrista.


O clipe teve a direção e edição de Brendon Campos que também é um famoso Youtuber da região. “A ideia inicial era apenas ter um vídeo onde o foco fosse a banda, aquele tipo de vídeo para as pessoas conhecerem os integrantes e tal. Mas durante as filmagens e fazendo uma breve análise da letra, percebemos que tudo se encaixava, mas foi algo muito natural, e deixamos as interpretações para o público, como tem que ser", conta César vocalista do grupo.

“Poucos Tem Coração” vem com uma sonoridade mais anos 90, Britpop, bandas como
Radiohead, The Cure e também influências do rock nacional. Esta música fará parte do novo álbum da banda ainda sem título e data para lançamento, mas os fãs já podem ouvir e baixar este single na “Selo Virtual” e também nas demais plataformas digitais como Spotify e Deezer.

Cronicas Lê Nunes: Tarja Turunen divulga informações sobre o novo álbum, "In The Raw",


Oi gente, tudo bem?
É com muita alegria que volto a escrever sobre Tarja Turunen, uma das maiores e melhores cantoras de metal de todos os tempos.

Recentemente foram divulgadas informações sobre o novo álbum, "In The Raw", que será lançado em agosto desse ano.

A proposta do álbum é que "Nem tudo o que reluz é ouro, mas nem tudo o que é ouro necessariamente brilha".


Para a minha alegria, o momento que mais sonhei aconteceu:
A faixa 2 do álbum, intitulada "Goodbye Stranger" é em parceria com minha musa número 1, a Cristina Scabbia, vocalista do Lacuna Coil.
Eu demorei alguns dias até trazer essas informações porque meu coração de fã PRECISAVA confirmar essa notícia, já que as duas são as minhas favoritas.

A faixa 1, "Dead Promisses" já está disponível no no Spotify, Deezer e YouTube (no final da matéria você pode acompanhar).

Segue a Tracklist de "In The Raw":

01. Dead Promises (with Björn “Speed” Strid)
02. Goodbye Stranger (with Cristina Scabbia)
03. Tears In Rain
04. Railroads
05. You And I
06. The Golden Chamber: Awaken / Loputon Yö / Alchemy
07. Spirits Of The Sea
08. Silent Masquerade (with Tommy Karevik)
09. Serene
10. Shadow Play


segunda-feira, 13 de maio de 2019

Revolução: Mineiros lançam Lyric Video de música do novo álbum


Prestes a lançar seu quarto disco de estúdio chamado "Era Uma Vez no Brasil", a banda Revolução agraciou os fãs com uma boa surpresa. A canção "O Romance Ideal" que faz parte do trabalho e chama atenção pela quantidade de referências a casais da cultura pop. O grupo que é conhecido por seu engajamento político, mostra uma de suas outras facetas que sempre alegrou seus seguidores. Veja no vídeo abaixo:



São muitas citações que vão desde Rose e Jack do filme "Titanic", a Homer e Marge do desenho "Os Simpsons". Sobrou até para o casal Eduardo e Mônica, da música homônima da banda Legião Urbana, canção que inclusive tomará as telonas das salas de cinema de todo Brasil em breve. A música "O Romance Ideal" promete ser uma das preferidas do público por um bom tempo. Sua sonoridade é leve e o refrão também é daqueles que se canta automaticamente. 

O disco "Era Uma Vez no Brasil" deve ser lançado em junho, junto com novos shows e vídeos que a banda produz atualmente em sua cidade natal, Belo Horizonte.  




Som de Prosa: Conheça o canal feito para quem gosta de todo universo da música


Nas últimas semanas foi lançado no youtube o canal Som de Prosa. Um espaço a mais para os músicos falarem sobre suas carreiras e o mundo da música. Nós conversamos em primeira mão com o apresentador Oswaldo Marques, que contou detalhes sobre o projeto. "O canal tem como premissa a ideia de mostrar o que acontece nos bastidores do mundo da música. Entrevistamos todos os envolvidos na cadeia produtiva: músicos, produtores, roadies, etc.". Além disso, como conta Oswaldo o canal também traz dicas para o público sobre "postura profissional" e marketing musical .

O apresentador conta que Cláudio Keppel é o idealizador do canal e proprietário do Artestudio, local de gravação em Belo Horizonte. "Ele me convidou para ser o apresentador e associou-se à produtora Ween Works, formada pela dupla Igor Jannotti e Felippe Ramos. Assim que definimos a equipe, partimos para as gravações. O interessante é que quando começamos a gravar a primeira entrevista, tudo fluiu naturalmente," comenta Oswaldo que também é guitarrista

O canal Som de Prosa já entrevistou Fabinho Gonçalves, Adriano Campagnani que tem parceria com a marca Michael. Os vídeo são lançados às terça e quintas. "Nós gostamos muito do canal do Rick Beato, do Vitrola Verde do Cesar Gavin do programa Talk Show da FlixTV apresentado por minha amiga Celia Coev, que sempre me dá umas dicas bacanas para aprimorar o Som de Prosa. O canal tem repercutido muito bem dentro e fora do meio musical. O retorno tanto nos comentários do Youtube quanto nas mensagens que recebemos nas redes sociais tem sido ótimo! As ambições são muitas, o que posso adiantar é que faremos entrevista com um músico gringo em breve. O fato de eu ser músico e falar inglês facilita a expansão de horizontes", adianta o apresentador. Assista a um dos episódios abaixo: 




A banda do momento: LYRIA

CRÉDITO - ROBERTA GUIDO

Direto do Rio de Janeiro apresentamos para quem ainda não conhece o som muito bem trabalhado da banda Lyria que há alguns anos vem conquistando ouvidos e corações com seu metal sinfônico alternativo. "O nome Lyria é uma mistura de várias palavras; a lira (lyre em inglês), instrumento de grande importância para os gregos, a flor Lírio (Lily em inglês) e a palavra inglesa lyrics, que significa letra de música," explica a vocalista Aline Happ que forma a banda com Rod Wolf (guitarra), Thiago Zig (baixo) e Thiago Mateu (bateria).

Nos últimos meses a banda tem conciliado shows com gravações. "Estamos nos preparando para mais uma maratona de shows da Immersion Tour, que passará por diversos locais. Também teremos mais shows online e gravaremos o terceiro clipe do Immersion", explica a cantora se referindo ao disco lançado em abril de 2018. 

Aline conta que as influências para a sonoridade do grupo variam entre a música celta, pop e vertentes do rock e metal. "Acho que apesar de nossas diferentes influências, temos um estilo próprio. É possível identificar, este é o Lyria! Fazemos música com o coração e trazemos experiências reais de superação e conselhos em nossas letras. A ideia é realmente ajudar as pessoas através da música. Tentamos também estar sempre em contato com nossos fãs e de tê-los como uma parte do Lyria. É extremamente gratificante receber mensagens de diferentes pessoas dizendo o quanto nossa música tem ajudado de alguma forma. Eu diria que o Lyria não é simplesmente uma banda, mas um estilo de vida", conta.

Para a vocalista o metal e o rock merecem mais espaço e investimento para conseguir mais visibilidade para o público geral brasileiro, já que poderiam dar retorno devido a fidelidade do público. "O público costuma ser muito fiel", argumenta. 


A banda tem uma repertório repleto de boas canções que você pode acompanhar no youtube. "Apesar de Jester ter sido o primeiro clipe e até hoje ser a música mais famosa, atualmente eu escolheria Let Me Be Me. O novo single tem feito muito sucesso não somente com fãs de metal sinfônico, mas também entre os adeptos do rock e de outros estilos musicais, abrindo portas para aqueles que ainda não estão familiarizados com o heavy metal. Traz uma mensagem de libertação, algo que a maioria das pessoas pode se identificar. De uma forma geral, a ideia é mostrar que você deve ser você mesmo, e que muitas vezes aqueles que apontam defeitos estão apenas descontando sua frustração nos outros". Ouça e assista abaixo:
 


segunda-feira, 29 de abril de 2019

STUDIO ZERO: Mineiros lançam clipe de Piratas Mortos

Junio Ruas: Baixo, Marcelo Ramalho: Bateria, Bugu Reis: Vocal, Jarbas Santos: Guitarra
Piratas Mortos é o terceiro single lançado pela Studio Zero, sendo deles o mais experimental. "Buscamos trazer uma gama de sensações em uma única música com uma mensagem simples, mas envolta de uma enredo não literal", conta o guitarrista Jarbas Santos. A composição da letra é de Pedro Medeiros, um grande amigo e parceiro da banda.

De acordo com o grupo, a  produção da música foi realizada em três estados: Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. Em Minas Gerais foi realizada pré produção e a gravação da bateria, baixo, vocal e uma das guitarras, já no Rio de Janeiro houve a contribuição do próprio  autor com a segunda guitarra, trazendo um timbre pessoal para linha harmônica da música. Em São Paulo, Thiago Okamura do estúdio To Mix Studio fez a mixagem e masterização, dando o toque final a obra fonográfica. Veja abaixo o resultado:


"No mês de abril de 2019 completamos 3 anos da formação e 15 anos da 'Iniciativa Studio Zero', uma vitória de persistência, cumplicidade e amizade.  O videoclipe é um retrospectiva dos últimos três anos, trazendo cenas inéditas do Festival Frequências Cruzadas (2016) no Cine Theatro Brasil Vallourec, do Festival Rock 'N Nova (2017) no Teatro Estação Cultural - Shopping Estação BH, além da performance no Parque das Mangabeiras Belo Horizonte que ocupa maior parte do vídeo", explica Jarbas.




sábado, 13 de abril de 2019

Lê Nunes: Armored Dawn na serra gaúcha

E aí galera do metal, tudo certo?

Na última semana de março os guitarristas Tiago de Moura e Timo Kaarkoski da banda Armored Dawn estiveram na serra gaúcha fazendo um workshow de guitarra.
Eu estive lá e acompanhei tudinho na edição da cidade de Garibaldi.

Os guitarristas tocaram as músicas dos álbuns da banda, falaram de suas influências, e o guitarrista Timo Kaarkoski disse que o primeiro contato com a música brasileira foi num show do sepultura em 1991.
O Finlandês conta ainda que em seu país é muito comum as bandas tocarem nas escolas para estimular as novas gerações a se interessarem pelo gênero.

Tiago por sua vez, contou algumas histórias de sua trajetória desde a criação em Passo Fundo (RS) até a rotina abrindo shows para bandas como Saxon e Hammerfal.
Os músicos presentes puderam aproveitar uma conversa muito produtiva sobre gestão de bandas, trabalho duro e os percalços da vida na estrada, tudo sem perder a humildade.

Por fim, houve um sorteio de brindes da banda como CDs, Camisetas, Singles, até pequenos equipamentos como cabos, pedais e o grande prêmio, uma guitarra Gibson.
Obviamente, eu não ganhei nada (fazer o que né? hahahahah).

Bom pessoal, essa semana é isso.
Não esqueçam de me contar aqui ou no meu Instagram @lenunnes_ o que vocês acharam.

Espero que gostem, e até a próxima semana.


Postagens mais antigas Página inicial

Postagens mais visitadas